Restrição calórica e longevidade | Dr. Drauzio Varella

restrição calórica

A vida eterna é um sonho antigo, no império romano ou na velha china as pessoas viviam em média 30 anos. Em 1900, na europa a meta estava ao redor de 40 anos, hoje, no japão passa de 80 mas viver muito não depende exclusivamente de nós, trabalhos científicos sobre o envelhecimento permitem tirar duas conclusões.

Primeiro restrição calórica respeitados os limites da desnutrição a longevidade dos animais é inversamente proporcional ao número de calorias ingeridas diariamente, isto é, quanto menos calorias que ingerimos mais longa será nossa vida.

As vantagens conhecidas a restrição calórica são muitas reduzem a incidência de diabetes e hipertensão arterial alguns tipos de câncer e outras doenças. Isso vale especialmente para aqueles que estão acima do peso.

Se você quiser adotar uma dieta de restrição calórica é muito importante procurar a orientação de um nutricionista.

O exercício físico melhora a qualidade de vida, reduz a probabilidade diabetes, ataques cardíacos, derrames cerebrais, invalidez por doenças reumáticas e hipertensão arterial. Além disso, ajuda a manter os ossos mais fortes e reduz a chance de fraturas além de treinar o equilíbrio. Existem evidências claras de que os músculos dos mais velhos são capazes de responder ao exercício da mesma forma que os mais jovens desde que sejam treinados adequadamente

Saiba mais sobre restrição calórica com o uso do quitoplan funciona ou não para emagrecer.

Blog

Avalie este artigo!
  • outubro 10, 2017
  • Blog